Uma oportunidade para capacitar profissionais para a implementação da manufatura enxuta e modernização da indústria capixaba

 

Para ajudar as empresas a traçarem um caminho rumo à modernização, se ajustando a Quarta Revolução Industrial, o Senai lançou um novo programa, o “Mentoria Lean”. O objetivo é capacitar profissionais para atuarem com as ferramentas do Lean Manufacturing, ou a manufatura enxuta, que auxiliam na identificação e eliminação do desperdício durante o processo industrial.

Com a melhora da qualidade, redução do tempo e do custo de produção, as indústria ganham em produtividade e, consequentemente, competitividade.

“O programa vem diminuir a distância que há entre a indústria capixaba e as novidades tecnológicas trazidas pela Indústria 4.0, entre elas, a cultura do lean. Nesse programa, o Senai transfere o conhecimento em manufatura enxuta para as empresas, realizando ciclo de treinamentos e práticas individuais nas próprias empresas”, explica o coordenador de tecnologia e inovação do Instituto Senai de Tecnologia (IST), Alexandre Secolo Morgan.

O programa de Mentoria Lean tem uma duração de até três meses e é desenvolvido com grupos de 4 a 6 empresas. Ao todo, ele é formado por três etapas: diagnóstico do processo produtivo, com duração de 16h; execução no processo produtivo, com duração de 20h; e a entrega de resultados, com duração de 12 horas.

Segundo Alexandre, a mentoria é um produto diferenciado que capacita o profissional de uma empresa para implementar a cultura lean em seu ambiente de trabalho. “Na consultoria, o consultor propõe todo o trabalho e a empresa apenas absorve as melhorias que devem ser realizadas. Já na mentoria, o papel do consultor é ensinar a empresa a realizar esse trabalho, é a capacitação de um profissional. A empresa terá um colaborador com o conhecimento sobre as ferramentas do Lean Manufacturing”, observou.

O investimento em treinamento e qualificação do profissional é um ponto essencial para que uma empresa se torne mais competitiva. Hoje, 47% das empresas entendem que é importante capacitar o profissional, mas os investimentos nesse quesito é inferior a 2%. O Brasil ocupa o 62º lugar no ranking de investimentos em qualificação profissional.

O Mentoria Lean foi lançado nesta terça-feira (19) durante o Workshop Competitividade promovido pelo Instituto Senai de Tecnologia (IST), em Vitória. Interessados devem entrar em contato pelo e-mail [email protected] ou telefones 3334-5217 3334-5218.

– Conheça as etapas do Mentoria Lean:

Etapa 1 – Diagnóstico Do Processo Produtivo (16h)

– 8h de treinamento (Base Senai): lean game (8 desperdícios), Mapa de Fluxo de Valor (MFV) e Formação Equipe Kaizen
– 4h de mentoria para elaboração do MFV e identificação dos desperdícios
– 4h de suporte para conclusão do MFV (PDCA) (2h+2h)

Etapa 2 – Execução No Processo Produtividade (20h)

– 8h de Treinamento (Base Senai): lean game (7 ferramentas e MFV Futuro)
– 4h de mentoria para elaboração do Plano de Ação da Empresa e MFV – Futuro
– 8h de suporte para conclusão do Plano de Ação e intervenções (PDCA) (2h+2h+2h+2h)

Etapa 3 – Entrega dos Resultados (12h)

– 4h de Treinamento (Base Senai): indicadores e gestão à vista
– 4h de mentoria para formação de grupo Kaizen
– 4h de mentoria para implantação de gestão a vista

 

Por Fiorella Gomes

Comentários do Facebook