O Sesi-ES e o Senai-ES estão na MEC SHOW e na Expo Construções – feiras que acontecem até amanhã (9), no Pavilhão de Carapina e reúnem empresas e novidades dos setores de Metalmecânica e Construção – para apresentar algumas das soluções em inovação, educação e saúde e segurança para as indústrias. Em um espaço chamado Ilha da Inovação, as instituições do Sistema Findes estão desenvolvendo diversas atividades relacionadas à indústria 4.0 e de fomento à competitividade e à produtividade das empresas capixabas.

Sesi-ES

Um dos maiores aliados da indústria quando o assunto é saúde e segurança no trabalho e promoção do lazer e bem-estar, o Sesi-ES marca presença na feira com o espaço Sesi, que oferece aos participantes do evento avaliação de saúde com bioimpedância e quick massagem relaxante. No local também é possível conhecer o Sesi Viva +, plataforma digital completa para gestão de saúde e segurança do negócio, além dos diversos serviços oferecidos pela instituição para trabalhadores, gestores e empresários.

 

Senai-ES

O Grand Prix Senai de Inovação abriu a programação de ações voltadas à inovação, produtividade e competitividade das indústrias de metalmecânica e construção na tarde desta terça-feira (7). Durante os três dias de evento, alunos, instrutores e consultores do Senai-ES, além de startups capixabas, estão desenvolvendo soluções para um dos maiores gargalos enfrentados pelas empresas: a logística.

Foram propostas três situações-problema relacionadas ao tema para cada um dos segmentos industriais, e as quatro escuderias concorrentes terão 12 horas, ao todo, para projetar ideias que ajudem a reduzir desperdícios e aumentar a eficiência nas indústrias. De acordo com a gerente da Divisão de Tecnologia e Inovação do Sistema Findes, Juliana Gavini, o objetivo é que as ideias geradas pelas equipes tenham aplicabilidade nas empresas e ajudem, de fato, nos produtos e processos do mercado.

“Nós temos uma equipe de consultores e profissionais qualificados que fazem uma espécie de “polinização” das soluções desenvolvidas no Grand Prix. Isso serve tanto para validar as ideias como para fazer essa ponte entre as equipes participantes e as empresas, que podem se interessar pelo trabalho e fazer a contratação”, explica, frisando que os competidores têm à disposição uma estrutura de computadores, impressora 3D e outros equipamentos que auxiliam na prototipagem das ideias.

Na quinta-feira, as escuderias deverão apresentar os projetos em Business Model Canvas, Elevator Pitch e protótipo. Os três primeiros lugares receberão troféu e a ideia eleita por uma banca avaliadora com a melhor vai receber um aporte de até R$ 30 mil para ser desenvolvida dentro do Laboratório Aberto do Instituto Senai de Tecnologia (IST) em Eficiência Operacional.

Empresários e gestores estão participando de um jogo de tabuleiro que simula o funcionamento do chão de fábrica de uma empresa e devem, ao longo dos três dias de feira, aplicar conceitos de produtividade enxuta para otimizar os resultados e aumentar a eficiência do negócio.

O objetivo da metodologia é possibilitar a vivência dos participantes com o conceito de lean manufacturing e de lean office, estimulando e desmistificando sua aplicação na rotina das empresas.

Ferramentas para incentivo à inovação, como fundos destinados ao investimento em ideias co

m potencial de gerar resultados, são fundamentais para estimular o surgimento de novas soluções. É o caso do Edital de Inovação da Indústria, iniciativa d

o Senai, Sesi e Sebrae, e que vai investir, na edição 2018, até R$ 55 milhões para o desenvolvimento de projetos em empresas industriais de todos os portes, incluindo startups de base tecnológica.

Durante toda a feira, consultores especializados estão à disposição para apoiar empreendedores que querem submeter suas ideias ao Edital.

Além de toda a programação prática, o Senai e o Sesi também oferecem uma rica programação de apresentações e palestras para os empresários, gestores e colaboradores na MEC SHOW e Expo Construções. Os temas, sempre relacionados à melhora do ambiente de negócios, fomento à inovação e indústria 4.0, foram escolhidos para atender ao perfil do público que frequenta o evento.

 

 

Por Elaine Maximiniano

Comentários do Facebook