Foi seguindo à risca os ensinamentos do Programa ES Mais Produtivo que, em apenas três meses, oito indústrias de alimentos do Estado conseguiram aumentar a produtividade em 103%. O crescimento é resultado do uso da metodologia Manufatura Enxuta (Lean Manufacturing), baseada na redução dos desperdícios mais comuns no processo produtivo: transporte, estoque, movimentação, espera, excesso de processamento, superprodução, defeitos e desperdícios das ideias.

Essa metodologia está sendo implementada pelo Senai Espírito Santo, como parte do Programa ES Mais Produtivo, que visa aumentar a produtividade das indústrias capixabas para que as empresas ganhem competitividade de um modo mais eficiente. É um novo movimento, apoiado neste sistema de gestão, focado na redução do desperdício, com ganho também na qualidade. Trata-se de uma filosofia de gestão, que tem como objetivo central entregar o máximo de valor com a menor quantidade de recursos possíveis.

Lean Manufacturing aplicada a produção de embutidos – o case do Frigorífico Mosquini

Com origem familiar, a empresa tem foco em produtos tradicionais com o uso de tecnologias recentes para o setor, produzindo embutidos, produtos defumados e produtos frescos. A sua atuação se consolida no mercado regional, mas já conquista relevância nacional, graças aos diferenciais das produções.

A empresa possuía um gargalo operacional no abate e desossa de suínos e, por isso, implementou o Lean Manufacturing, por meio do Programa ES Mais Produtivo. Com a padronização de processos e a conscientização dos colaboradores foi conquistado um aumento de produtividade em mais de 126%. Para o sócio da empresa, Marcelo Mosquini, a aplicação melhorou de forma exponencial a linha de produção do seu frigorifico. “Tornamos as nossas máquinas e o trabalho dos nossos funcionários mais eficientes, com ganhos de tempo e qualidade”, ressalta.

O programa

Melhorar os processos produtivos por meio de ações rápidas, eficientes e de baixo custo. Essa é a missão do “ES Mais Produtivo”, uma iniciativa do Senai Espírito Santo, que amplia as ações do programa do governo federal: “Brasil Mais Produtivo”, contribuindo para o processo de produção das empresas.

Por meio dele, é possível construir soluções a curto prazo e com resultados expressivos na operacionalização do processo produtivo e diminuição dos desperdícios.

Pelo menos 35 fábricas já foram atendidas pelo programa em todo o Espírito Santo, alcançando um aumento médio de 123,7% da produtividade dentro do processo onde foi aplicado a técnica de lean manufacturing.

Se interessou no ES Mais Produtivo?

Empresas de micro, pequeno e médio porte podem se inscrever para participar do programa e implementar ferramentas de produção enxuta em seus processos produtivos. Para se candidatar a uma das vagas do programa, um responsável pela empresa deve preencher o formulário de interesse e uma equipe do Senai entrará em contato.

O programa realiza uma consultoria na empresa para elaboração de diagnóstico de processos, propostas de melhorias para obter ganhos de produtividade, diminuição no custo de produção e monitoramento de resultados. O objetivo é reduzir diversos tipos de desperdícios, como: superprodução, tempo de espera, transporte, excesso de processamento, movimento e defeitos.

Clique aqui e preencha o formulário de interesse para implementar o lean na sua empresa também.

Por Cinthia Pimentel

Comentários do Facebook