Conheça o Sistema Findes

E-mail Imprimir

 

No primeiro informativo on-line Em Ação do ano, nós resolvemos fazer uma matéria especial para que que você possa saber um pouco mais sobre o Sistema Federação das Indústrias do Espírito Santo.

 

O Sistema Findes é composto por uma rede estadual de caráter privado que trabalha efetivamente na busca de resultados para que o setor industrial capixaba se torne cada vez mais competitivo, inovador e sustentável, capaz de gerar novos negócios, riqueza e desenvolvimento.

 

Por meio de ações, serviços e produtos oferecidos pelas oito entidades que o compõem: Federação das Indústrias do Estado do Estado do Espírito Santo (Findes), Centro da Indústria do Espírito Santo (Cindes), Serviço Social da Indústria (Sesi-ES), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-ES), Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES), Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies), Instituto Rota Imperial (IRI) e Condomínio do Edifício Findes (Conef), o Sistema Findes investe no aperfeiçoamento da qualidade dos recursos humanos com atenção voltada à educação, difusão tecnológica, qualidade de vida, capacitação técnica e representação institucional, atuando de forma decisiva na defesa dos interesses das indústrias e dos seus trabalhadores e oferecendo estratégias para o crescimento político, econômico e social de todo o Espírito Santo.

A Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes)

A Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes) é a entidade máxima de representação da indústria capixaba e, desde a sua fundação, em 1958, é a principal interlocutora do setor produtivo.

 

Representa 40 sindicatos, entre filiados e em processo de filiação, aos quais são filiadas mais de 19 mil indústrias, que geram mais de 239 mil postos de trabalho e são responsáveis por 40,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado.

 

As ações da Findes contribuem para o crescimento do parque produtivo do Espírito Santo, para a formulação da política industrial do Estado, e pelo diálogo entre os sindicatos filiados e outros segmentos da sociedade.

 

Por meio dos Conselhos Temáticos Superiores, das Câmaras Setoriais, do Centro de Apoio aos Sindicatos e das Diretorias e Núcleos Regionais, a Findes oferece serviços nas áreas de tecnologia, comércio exterior, infraestrutura, economia, meio ambiente, jurídica e sindical. Assim, o industrial conta com toda a estrutura necessária para uma atuação destacada no seu ramo de negócio.

Centro da Indústria do Espírito Santo (Cindes)

O Centro da Indústria do Espírito Santo (Cindes) atua para promover a integração do empresariado capixaba, congregando profissional e socialmente seus empreendedores e dirigentes.

 

Criado em 1969, é parceiro da Findes na defesa dos interesses da indústria e demais segmentos empresariais, fortalecendo o associativismo e buscando novas oportunidades de negócios.

 

Ponto de encontro do setor produtivo, também fomenta ações que contribuam para o desenvolvimento empresarial de jovens lideranças, por meio do Cindes Jovem, a fim de formar novos líderes e gestores que possam contribuir para o crescimento sustentável do Estado.

Serviço Social da Indústria (Sesi)

O Serviço Social da Indústria do Espírito Santo (Sesi-ES) é uma entidade de direito privado que tem como desafio desenvolver uma educação de excelência voltada para o mundo do trabalho e aumentar a produtividade da indústria, promovendo o bem-estar do trabalhador.

 

Criado em 1951, o Sesi-ES oferece soluções para as indústrias capixabas, seus trabalhadores e dependentes, por meio de uma rede integrada que engloba atividades em seis áreas de negócios: Alimentação, Cultura, Educação, Esporte, Lazer e Saúde.

 

Atualmente, opera por meio de 22 unidades de negócios distribuídas em 11 municípios capixabas: Anchieta, Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Linhares, Nova Venécia, São Mateus, Serra, Vila Velha e Vitória.

 

Além disso, o Sesi-ES, em parceria com o Senai-ES, mantém 16 unidades de ações móveis que oferecem cursos nas áreas de Construção Civil, Confecção, Soldagem, Informática, Panificação, Colheita Florestal, Marcenaria, Frigorífica e de Alimentação Saudável; e seis Agências de Treinamento Municipais (ATMs) que atendem aos municípios de Castelo, Guaçuí, Ibiraçu, Itaguaçu, Santa Teresa, São Gabriel da Palha e Vitória. O objetivo é democratizar ao máximo o acesso à educação profissional, levando conhecimento aos locais mais distantes do Estado.

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai)

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-ES) atua para qualificar pessoas para trabalhar no setor industrial capixaba. Referência no apoio ao desenvolvimento da indústria do Estado, o Senai-ES está sempre atento às novas tecnologias, aprimorando e ampliando sua oferta de serviços técnicos, tecnológicos e de educação profissional.

 

Criado em 1952, o Senai-ES possui atualmente 10 unidades operacionais, distribuídas por 10 municípios: Anchieta, Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Nova Venécia, São Mateus, Serra, Vila Velha e Vitória. Nelas, promove a qualificação de recursos humanos, prestação de serviços, assessoria ao setor produtivo, serviços de laboratório e informação tecnológica.

 

Além disso, o Senai-ES, em parceria com o Sesi-ES, mantém 16 unidades de ações móveis que oferecem cursos nas áreas de Construção Civil, Confecção, Soldagem, Informática, Panificação, Colheita Florestal, Marcenaria, Frigorífica e de Alimentação Saudável; e sete Agências de Treinamento Municipais (ATMs) que atendem aos municípios de Castelo, Guaçuí, Ibiraçu, Itaguaçu, Santa Teresa, São Gabriel da Palha e Vitória. O objetivo é democratizar ao máximo o acesso à educação profissional, levando conhecimento aos locais mais distantes do Estado.

Instituto Euvaldo Lodi (IEL)

O Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES), criado no Espírito Santo em 1969, atua para promover soluções em conhecimento, gestão e inovação, contribuindo para a melhoria da competitividade das empresas capixabas.

 

Com foco na capacitação e aperfeiçoamento, trabalha para ampliar a visão estratégica de empresários, gestores e executivos, apresentando modelos praticados por empresas de referência no Brasil e no mundo. Além disso, desenvolve programas de estágio diferenciados que promovem a interação entre o mercado de trabalho e a Universidade, e estimula o empreendedorismo e as práticas inovadoras por meio de workshops, palestras e eventos.

 

O diálogo permanente com o setor empresarial torna o IEL uma das mais importantes entidades no suporte ao desenvolvimento da indústria, contribuindo para a superação de gargalos e identificação de oportunidades para as empresas.

Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies)

O Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies) tem o objetivo de apoiar o Sistema Findes na defesa de interesses da indústria e desenvolver posicionamentos e estudos estratégicos setoriais, com foco em inteligência competitiva, voltados para o fortalecimento do setor industrial capixaba e para a interiorização do desenvolvimento.

 

O Ideies também é responsável pela elaboração de pesquisas e análises econômicas que tratam do desempenho do setor industrial, identificando problemas enfrentados pela indústria capixaba e apontando soluções.

 

Criado em 1971, o Ideies atua por meio de quatro unidades de negócios: Unidade de Economia Criativa (UEC), Unidade de Análises Estratégicas (UAE), Unidade de Gestão da Informação (UGI) e Unidade de Gestão do Conhecimento (UGC).

Instituto Rota Imperial (IRI)

O Instituto Rota Imperial (IRI) foi criado para fomentar o desenvolvimento turístico e a economia dos municípios pertencentes ao trajeto da Rota Imperial. No Espírito Santo, 15 cidades fazem parte da Rota que liga Ouro Preto, em Minas Gerais, a Vitória. A Rota Imperial Capixaba começa no Palácio Anchieta - Marco Zero - e vai até Iúna, na região do Caparaó. O caminho está demarcado e sinalizado com 385 totens - chamados de marcos.

 

O Sistema Findes é o responsável pela gestão do Instituto Rota Imperial, com o apoio do Ministério do Turismo e parceria com os governos estaduais do Espírito Santo e de Minas Gerais.

Condomínio do Edifício Findes (Conef)

O Condomínio do Edifício Findes (Conef) foi criado por meio de Convenção, no dia 1º de outubro de 1984, com destinação exclusivamente administrativa e profissional do edifício que abriga as entidades que constituem o Sistema Findes. O Conef é administrado por uma assembleia geral, conselho consultivo e um síndico.

 

Por Breno Arêas