Feira das Profissões Sesi/Senai é realizada com sucesso em Aracruz

E-mail Imprimir

 

O Centro Integrado de Aracruz recebeu pela primeira vez o evento na última sexta-feira, dia 02 de dezembro, que contou com a participação de estudantes da unidade e de duas escolas públicas da região. O gerente do Centro Integrado Sesi/Senai Aracruz, José Braz Viçose; o patrono da unidade e presidente emérito do Sistema Findes (1989/1992), Sergio Rogerio de Castro; o diretor da Findes em Aracruz e região, João Depizzol; e a diretora escolar da unidade, Karla Suely Carletti

 

A região de Aracruz se destaca no cenário econômico capixaba, com a indústria representando 62,8% do PIB (Produto Interno Bruto – dados do IJSN/2013) dos municípios que compõem a Diretoria da Findes em Aracruz e Região (Aracruz, Fundão, Ibiraçu e João Neiva), de acordo com o que foi divulgado recentemente pela série de estudos “Caminhos para o Desenvolvimento Regional”, produzida pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional e Industrial do Espírito Santo (Ideies).

 

Local de empresas de grande porte de setores como celulose, indústria naval, petróleo e gás, metalmecânica, alimentos, construção e agroindústria, a região está em pleno processo de desenvolvimento e demanda constantemente profissionais qualificados nessas áreas. Ciente disso, o Centro Integrado Sesi/Senai Aracruz promoveu na última sexta-feira, dia 02 de dezembro, a Feira das Profissões Sesi/Senai, realizada pela primeira vez naquela unidade, no intuito de apresentar aos jovens o futuro promissor que os aguarda na indústria.

 

Confira a galeria de fotos da Feira das Profissões Sesi/Senai de Aracruz

 

O evento reuniu alunos da 8ª série do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio do Sesi-ES, e também os que cursam o Ebep (Educação Básica Articulada com Educação Profissional) na unidade. Também participaram os alunos do 8º e 9º anos de duas escolas públicas da região.

 

Durante a Feira, os jovens puderam conhecer diversos cursos técnicos e superiores de áreas queiam da Medicina Veterinária à Mecânica Industrial, inclusive participando de oficinas práticas (minicursos), além de também informar-se sobre programas de estágio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES). Além disso foram realizadas rodas de bate-papo com profissionais e palestras sobre vocação profissional. A Feira foi bastante prestigiada pela comunidade local, contando inclusive com a presença do patrono da unidade, o presidente emérito do Sistema Findes Sergio Rogerio de Castro (gestão de 1989 a 1992), e também de autoridades políticas e empresariais da região.

 

“Foi uma experiência muito gratificante em nossa unidade, dado o retorno positivo que recebemos de nossos alunos”, comemora a diretora escolar do Centro Integrado Sesi/Senai de Aracruz, Karla Suely Carletti. “Nós temos uma indústria muito forte na região, mas sabemos das dificuldades dos jovens em decidir sobre seu futuro profissional. A Feira foi um grande sucesso, porque conseguimos reunir mais de 20 profissões, aqui representadas por diversas instituições de ensino técnico e superior localizadas na região de Aracruz. O sucesso foi tão grande que recebemos muitos pedidos para que o evento do próximo ano seja aberto ao público em geral, tamanho o interesse que provocou”, completa Karla.

 

“Um diferencial que tivemos em nossa Feira das Profissões, se comparada à que acontece já tradicionalmente no Centro Integrado Sesi/Senai de Araçás (Vila Velha), é que realizamos a exibição dos cursos em diversas salas de aulas da unidade, com os alunos concentrados nos relatórios que iriam produzir sobre as profissões. Também promovemos minicursos de ocupações do Senai-ES, em que os estudantes puderam conhecer, na prática, como são essas profissões. Fizemos isso porque nossa unidade é relativamente nova (inaugurada em 2011), e era importante que os alunos e seus pais pudessem conhecer melhor nossas instalações”, explica a diretora escolar de Aracruz. “Isso foi muito positivo, pois recebemos retorno de muitos alunos afirmando que acabaram fazendo uma escolha definitiva sobre qual curso frequentar após participarem dessas oficinas práticas, por exemplo”, finaliza Karla Suely Carletti.

 

"A Feira das Profissões ajudou bastante a todos nós, que ainda somos adolescentes e um tanto quanto indecisos em relação ao nosso futuro profissional. O evento dessa sexta-feira (02) estava com uma organização impecável! Os convidados que expuseram sobre as profissões puderam perceber o empenho e a dedicação que os alunos tiveram em tudo o que esteve envolvido no evento, e tenho quase certeza de que despertou em muitos estudantes a vontade de um dia serem eles ali, no futuro, falando sobre a profissão que escolheram”. Luma Nascimento Rebuzzi - 1º Ano Ebep

 

 

Por Fabio Martins