Seletiva da WorldSkills classifica equipe do Rio Grande do Sul

E-mail Imprimir

 

A equipe do Rio Grande do Sul será a representante brasileira na maior competição de educação profissional do mundo, WorldSkills, na ocupação Robótica Móvel

 

Foi uma semana de muita concentração e tarefas complexas para 22 jovens estudantes de cursos técnicos vindos de diversas partes do país em busca de uma vaga na 44ª WorldSkills, que acontece em outubro de 2017, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. A seletiva regional, realizada no Centro Integrado Sesi/Senai de Vila Velha, Espírito Santo, entre os dias 8 e 12 de agosto, classificou a equipe do Rio Grande do Sul para a maior competição de educação profissional do mundo, na ocupação Robótica Móvel. Em 2º lugar ficou a equipe de São Paulo, e em 3º lugar a equipe do Paraná.

Galeria de fotos

 

A equipe de São Paulo ficou em segundo lugar e a do Paraná ficou em terceiro

 

“Durante uma semana, vimos jovens empenhados na busca pela conquista de um objetivo, numa competição difícil e que exigiu bastante estudo e concentração”, disse o gerente da unidade que recebeu a competição e também delegado técnico da disputa, Giovani Gujansky, durante a solenidade de encerramento. “Em nome do Senai-ES, afirmo que é uma honra para o Espírito Santo receber esse torneio”, completou Giovani.

 

O coordenador técnico da Olimpíada do Conhecimento, Jeferson Tangerino, e a gerente de Educação Profissional do Senai-ES, Zilka Teixeira, agradeceram pelo trabalho realizado por todos os envolvidos na seletiva. Encerrando a solenidade, o presidente emérito do Sistema Findes (Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo) e patrono do Centro Integrado, Helcio Rezende Dias, destacou a importância do torneio. “Fico muito feliz por ver essa unidade do Sesi/Senai recebendo um torneio de relevância nacional e mundial, pois daqui sairão os jovens que representarão o Brasil nos Emirados Árabes Unidos. Estão todos de parabéns”, disse.

 

 

Foi uma semana de muita concentração e tarefas complexas para 22 jovens estudantes de cursos técnicos vindos de diversas partes do país em busca de uma vaga na 44ª WorldSkills

 

Pela primeira vez os competidores foram definidos em provas seletivas realizadas em várias cidades. Nas edições anteriores da competição internacional, os brasileiros eram selecionados na Olimpíada do Conhecimento, o torneio de educação profissional promovido a cada dois anos pelo Senai. O novo formato de seletivas tem o objetivo de aumentar a visitação aos locais das provas e apresentar os cursos do Senai para um maior número de pessoas, bem como as profissões da indústria e as oportunidades oferecidas pela educação profissional para trabalhadores e empresas.

 

Por Fabio Martins