Senai-ES fica entre as dez melhores escolas do país

E-mail Imprimir

 

Pela primeira vez, o desempenho e as competências dos alunos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industria (Senai) foram avaliados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Na pesquisa, que aferiu 40 cursos técnicos oferecidos pelas escolas em todo o Brasil, os estudantes da entidade em terras capixabas obtiveram resultados 74,7% dentro dos níveis adequado e avançado, ficando acima da média nacional. 

Conteúdo relacionado

Veja o desempenho dos outros Estados

 

As provas da “Avaliação do Desempenho do Estudante” foram aplicadas em 2015 e sendo respondidas por 1.698 discentes de oito unidades do Senai-ES: Anchieta, Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Colatina, Linhares, Serra, Vila Velha e Vitória. Desse total, 1.269 obtiveram notas de patamar adequado e avançados. Cinco diretores e 290 docentes no Estado também participaram do processo por meio de questionário. O objetivo da avaliação, além de dar início a uma métrica nacional, é verificar a proficiência dos estudantes, o desempenho dos cursos e das unidades de ensino, possibilitando, assim, o aprimoramento da Educação Profissional oferecida.

 

Destrinchando os dados

 

O levantamento permitiu analisar, ainda, o desempenho de cada curso técnico. Dos 12 tipos diferentes avaliados no Espírito Santo, oito alcançaram pontuação correspondente aos níveis adequado e avançado:

 

Curso Técnico

 Alunos do ES classificados

como adequado + avançado 

Meio Ambiente 93,1%
Mecânica 82,7%
Informática 77,8%
Redes de Computadores 76,6%
Automação 76,5%
Segurança do Trabalho 76,2%
Logística 74,4%
Eletrotécnica 72,2%

 

Pela pontuação, a pesquisa constatou o ótimo resultado dos cursos de Meio Ambiente, Mecânica, Redes de Computadores e Segurança do Trabalho, que conquistaram pontuação bem acima da média nacional.

 

Curso Desempenho Espírito Santo Desempenho nacional
Meio Ambiente  93,1%  86,2%
Mecânica  82,7%  72,7%
Informática 77,8%  77,2%
Redes de Computadores               76,6%  74,4%
Segurança do Trabalho  76,2%  74,0%
Logística  74,4%  69,8%
Eletrotécnica  72,2%  68,0%
Automação  76,5%  77,0%
Administração  68,8%  76,5%
Edificações  57,2%  67,2%
Refrigeração  55,6%  66,3%
Alimentos e Bebidas  50,0%  63,9%
Vestuário  38,6%  42,6%
Total 74,7% 71,7%

 

 

Entre os alunos analisados, os da unidade de Cachoeiro de Itapemirim obtiveram o maior destaque do Estado, com 95,1% dos alunos dentro da média nacional.

 

Município

Nº de alunos Percentual de alunos
Cachoeiro de Itapemirim 100 95,1%
Anchieta 63 91,8%
Aracruz 77 91,5%
Linhares 116 79,1%
Vitória 402 74,6%
Serra 271 73,5%
Colatina 37 66,9%
Vila Velha 193 57,9%
Total 1.269 74,7%

 

De acordo com a gerente de Educação Profissional do Senai-ES, Zilka Teixeira, os excelentes resultados obtidos confirmam a qualidade da Educação Profissional realizada pela instituição. Segundo ela, os resultados servirão de base para formulação de ações futuras. “Poderemos definir novas estratégias, promover melhorias dos cursos ministrados”, disse a gerente.

 

Por Evelyn Trindade