Indústria de miniônibus da Volare contrata alunos do Senai em São Mateus

E-mail Imprimir

A expectativa da indústria é gerar 300 empregos em 2016

 

Formar mão de obra com o padrão de qualidade e produtividade exigido pela Volare – unidade de negócios da Marcopolo implantada em São Mateus e operando em caráter experimental desde 2013 –, levou o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial no Espírito Santo (Senai-ES) a firmar parceria com a montadora de miniônibus. O acordo visa a oferecer cursos de qualificação profissional com foco no setor automotivo gerando, assim, oportunidades de emprego para os moradores da região.

Prevista para ser inaugurada ainda neste semestre, a montadora conta atualmente com 150 empregados e a tendência, até o final deste ano, é chegar a 300 postos de trabalho segundo o diretor do Negócio Volare, Gelson Luiz.

Com a demanda, o Senai-ES formulou cursos para atender diretamente ao setor. São cinco turmas de “Operador de Montagem de Veículos Automotores”, duas de “Eletricista Automotivo”, duas de “Soldador no Processo Mig Mag” e uma de “Preparador de Superfície para Pintura”. Desses alunos, formados no início de 2015, 60 profissionais foram contratados pela Volare.

De acordo com a coordenadora pedagógica do Senai-ES São Mateus, Alecia Maria de Almeida Toscano, a unidade é a extensão da indústria. “Atendemos de acordo com a demanda da montadora. Se no decorrer deste ano eles precisarem de mais mão de obra, o Senai-ES está pronto para qualificar mais profissionais com a sua qualidade de ensino e auxílio de equipamentos modernos que foram cedidos pela empresa em regime de comodato”, explicou.

Volare

A Unidade de Negócios LCV – Veículos Comerciais Leves, pertencente à Marcopolo S.A., é responsável pelo desenvolvimento e comercialização de produtos da marca Volare, que tem fabricação em Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul. Nascida em 1998, a Volare possui hoje uma linha completa de miniônibus no mercado nacional.

A Marcopolo é uma das maiores empresas fabricantes de ônibus do mundo, com unidades fabris em sete países: Brasil, Colômbia, Argentina, México, Índia, Egito e África do Sul. Foi fundada há 63 anos e hoje possui receita de R$ 3,6 bilhões por ano. É uma multinacional brasileira líder no mercado nacional.